A questão do consentimento na Lei Geral de Proteção de Dados

A questão do consentimento na Lei Geral de Proteção de Dados

11 de maio de 2019, 6h52
Por Pedro Silveira Campos Soares

Segundo a LGPD, com inspiração na General Data Protection Regulation da União Europeia (GDPR), o ato de consentir deve ser praticado pela pessoa natural titular dos dados, ou por seu responsável legal, devendo ser expressado de maneira evidente e inequívoca, por escrito ou não.

Confira em Consultor Jurídico

Notícias

Comunicar-se com computador por meio do pensamento já é possível

Comunicar-se com computador por meio do pensamento já é possível Por Patrícia Marins - Miriam Moura  Em 02 maio, 2019 - 11:43 Última Atualização 02 maio, 2019 - 11:44 Esse tipo de invenção desperta em nós questionamentos em relação ao futuro da tecnologia e a influência dela em nossas...
Leia mais

Comprador de imóvel não responde por honorários de sucumbência

AÇÃO DE COBRANÇA Comprador de imóvel não responde por honorários de sucumbência 29 de abril de 2019, 13h25 A decisão é da 3ª Turma do Superior Tribunal de Justiça ao dar provimento a recurso de uma sociedade para cancelar a alienação judicial eletrônica de imóvel comprado por ela, cuja penhora...
Leia mais
Dúvidas, consulte as fontes indicadas. Todos os direitos reservados