Eficiência, correção e razoabilidade

03/02/2011 - 18h22

Gleisi Hoffman estreia no Senado apresentando três projetos

[Foto:]

Proibir a realização de posse de senador durante os períodos de recesso no Congresso Nacional. Regulamentar a aplicação do teto remuneratório de agentes públicos e pensionistas no âmbito da União. Restringir o pagamento de verbas indenizatórias aos senadores. Esses são os temas dos três projetos anunciados pela senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) no seu primeiro pronunciamento realizado em Plenário.

- Trata-se de medidas cujo objetivo final é conferir maior eficiência, correção e razoabilidade à gestão de pessoas no setor público - explicou Gleisi Hoffman.

A senadora pelo Paraná citou alguns dos desafios que a presidente Dilma Rousseff terá, como acompanhar e enfrentar a situação cambial e promover ajustes fiscais nas contas federais. Gleisi Hoffman também citou a necessidade de o governo assegurar a estabilidade dos preços, melhorar a gestão pública, aprimorar a qualidade dos gastos, promover a redução da taxa básica de juros e ampliar os investimentos em infraestrutura, saúde e educação.

Entre as propostas que apresentou durante a campanha que a tornou a primeira mulher a ocupar uma cadeira no Senado pelo Paraná, Gleisi Hoffman reiterou seu comprometimento com a defesa de mais direitos para as mulheres e o desenvolvimento econômico e social do estado ao qual representa. Ela também reforçou que trabalhará pela preservação do meio ambiente, pelo fortalecimento da agricultura paranaense e por melhorias na saúde, educação e segurança.

Em aparte os senadores Eduardo Suplicy (PT-SP), João Pedro (PT-AM), Wellington Dias (PT-PI) e Vital do Rêgo Filho (PMDB-PB) destacaram aspectos da biografia política da senadora paranaense e manifestaram a confiança de que ela cumprirá seu mandato com o êxito esperado pela população do Paraná.

Roberto Homem / Agência Senado
 

Notícias

Namorados, conviventes, namoridos? Afinal, o que somos?

Namorados, conviventes, namoridos? Afinal, o que somos? Para definir esta relação, de namoro ou de união estável, vários fatores e características deste relacionamento devem ser analisados Ana Lúcia Moure Simão Cury 22.04.19 17h16 - Atualizado em 22.04.19 19h41 “- Olá, tudo bem? Quanto...
Leia mais

Plano de previdência privada é impenhorável, decide TRT-2

CARÁTER DE SUBSISTÊNCIA Plano de previdência privada é impenhorável, decide TRT-2 18 de abril de 2019, 10h11 No processo, a autora pediu que fossem penhorados os planos de previdência dos sócios da devedora, já que não foram encontrados bens em nome da empresa para quitar a dívida...
Leia mais

IBDFAM: É POSSÍVEL RENUNCIAR À HERANÇA EM PACTO ANTENUPCIAL?

IBDFAM: É POSSÍVEL RENUNCIAR À HERANÇA EM PACTO ANTENUPCIAL? Publicado em: 11/04/2019 De autoria de Mário Luiz Delgado, diretor nacional do Instituto Brasileiro de Direito de Família – Ibdfam, e Jânio Urbano Marinho Júnior, defensor público federal, o artigo “Posso renunciar à herança em pacto...
Leia mais

Sou menor, posso me casar?

Sou menor, posso me casar? Publicado em 10/04/2019  Portal Veneza Foi sancionada no último dia 13 de março, pelo presidente da República, a lei que proíbe o casamento de menores de 16 anos. O projeto de lei que passou pela câmara e pelo senado era de autoria da ex-deputada federal Laura...
Leia mais

Agente responsável por multa de trânsito não será mais identificado

Agente responsável por multa de trânsito não será mais identificado Determinação foi publicada no DOU e tem como intuito proteger os fiscais, que podem sofrer retaliações por terem registrado uma infração Por AutoPapo02/04/19 às 21h04 Em outubro de 2017 o AutoPapo noticiou que a Resolução nº 709 do...
Leia mais

Vetada dispensa de reavaliação de aposentado portador de HIV

10/04/2019 - 14h31 Vetada dispensa de reavaliação de aposentado portador de HIV O presidente da República, Jair Bolsonaro, vetou integralmente o projeto que dispensava de reavaliação pericial a pessoa com HIV/aids aposentada por invalidez (PL 10159/18). O texto havia...
Leia mais

Validade da carteira de motorista pode passar para 10 anos

Validade da carteira de motorista pode passar para 10 anos Projeto do governo também prevê aumento da pontuação de multas Publicado em 09/04/2019 - 20:31 Por Pedro Rafael Vilela - Repórter da Agência Brasil  Brasília O governo federal vai apresentar um projeto de lei para ampliar a validade da...
Leia mais

União estável: início e fim

União estável: início e fim Os parceiros que decidem viver em união estável podem determinar como irão proceder com os seus bens - os que já possuem e os que vão adquirir no futuro. Por Luciana Gouvêa* Publicado às 09h00 de 07/04/2019 Rio - Os casais estão preferindo se juntar a se casar, segundo...
Leia mais
Dúvidas, consulte as fontes indicadas. Todos os direitos reservados