Jorge Yanai diz que situação da saúde pública no Brasil 'é vergonhosa'

27/05/2010 - 20h51

Jorge Yanai diz que situação da saúde pública no Brasil 'é vergonhosa'

[Foto: senador Jorge Yanai (DEM-MT)]

O senador Jorge Yanai (DEM-MT), que é médico, considerou vergonhosa a situação da saúde pública no país e reclamou mais recursos para o atendimento da população pobre. Para ele, é um desrespeito o governo repassar "apenas 7 reais" aos médicos de hospitais conveniados do Sistema Único de Saúde (SUS) por consulta.

Yanai informou que, no Mato Grosso, uma Comissão Parlamentar de Inquérito divulgou "dados assustadores" sobre a saúde pública, revelando que havia, em novembro do ano passado, 120 mil pessoas à espera de algum atendimento. Desse total, 57 mil esperavam para realizar exames de alta complexidade.

O Programa Saúde da Família, que segundo o senador "teoricamente ajudaria bastante nos atendimentos", também já apresenta vários problemas, como falta de verbas.

- Funcionários contratados para esse programa não recebem pagamento e, no Mato Grosso, muitos estão em greve - lamentou.

O problema, continuou, é a crônica falta de dinheiro - os R$ 60 bilhões que o governo federal repassou ao SUS no ano passado equivalem a menos de 10% do que gasta o governo do Canadá na área de saúde. O senador lembrou que a Emenda Constitucional nº 29, que fixa percentuais que União, estados e municípios devem gastar com saúde, precisa ser regulamentada com rapidez, para que possa ser efetivamente cumprida. A regulamentação encontra-se na Câmara dos Deputados e senador mato-grossense disse que trabalhará por sua votação.

No mesmo discurso, José Yanai disse esperar que haja acordo partidário para que o Senado vote, na próxima semana, o projeto de lei de conversão (PLV 4/10), oriundo da medida provisória (MP 479/09) que reestrutura mais de 50 carreiras do serviço público federal, entre elas a carreira de perito médico previdenciário. O projeto foi aprovado pelos deputados na terça-feira (25).

Da Redação / Agência Senado
 

Notícias

Requisito da publicidade pode ser flexibilizado em caso de união homoafetiva

COM MENOS RIGOR Requisito da publicidade pode ser flexibilizado em caso de união homoafetiva 17 de setembro de 2021, 7h37 Por Tábata Viapiana Entre os indícios da união estável entre o pai da autora e o réu, segundo o relator, está o fato de terem morado juntos por mais de 20 anos em três endereços...

É admissível penhora de bem de família do fiador de contrato de locação

LOCATÁRIA INADIMPLENTE É admissível penhora de bem de família do fiador de contrato de locação 14 de setembro de 2021, 7h48 Por Tábata Viapiana Ao TJ-SP, os fiadores disseram que são idosos e que o imóvel se trata de bem de família, ou seja, impenhorável. Prossiga em Consultor Jurídico  

Cobrança de aluguel de imóvel ocupado por ex-cônjuge requer prévia notificação

Cobrança de aluguel de imóvel ocupado por ex-cônjuge requer prévia notificação por BEA — publicado 4 dias atrás A 8ª Turma Cível do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios - TJDFT, por unanimidade, negou recurso da autora e manteve sentença da juíza da 9ª Vara Cível de Brasília,...

ITCMD não pode ser cobrado sobre heranças e doações no exterior, conclui STF

ITCMD não pode ser cobrado sobre heranças e doações no exterior, conclui STF FLÁVIA MAIA BRASÍLIA 06/09/2021 14:42 Os ministros definiram, ainda, que ficam excluídas as ações judiciais nas quais se discuta a qual estado o contribuinte deve efetuar o pagamento do ITCMD sobre heranças, considerando a...

Juiz aplica Lei Maria da Penha a caso de homem agredido por vizinhos

Juiz aplica Lei Maria da Penha a caso de homem agredido por vizinhos Publicado por DR. ADEvogadohá 12 minutos Nada impede que o magistrado amplie o alcance da Lei Maria da Penha, não para aplicá-la na integralidade, mas apenas a parte que determina que se evitem novos ilícitos ou potenciais...