R$ 13,6 bilhões para Agricultura, Desenvolvimento Agrário e Pesca em 2011

09/12/2010 - 12h12

 

Agricultura, Desenvolvimento Agrário e Pesca terão R$ 13,6 bilhões em 2011

 

Para desenvolver seus programas no próximo ano, os ministérios da Agricultura, do Desenvolvimento Agrário e da Pesca terão no Orçamento da União R$ 13,6 bilhões. O relatório para essa área, do deputado José Maia Filho (DEM-PI), foi aprovado na manhã desta quinta-feira (9) pela Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização (CMO).

O valor é R$ 833 milhões superior ao montante previsto na proposta do Executivo, de R$ 12,8 bilhões. O relator disse que, dentro das limitações, enfatizou programas que agregam mais recursos para pequenos investimentos de base na agricultura, no desenvolvimento agrário e na pesca, capazes de estimular a produção e organizar o abastecimento alimentar.

Em seu relatório, o deputado assinalou que o agronegócio continua sendo o segmento que mais tem contribuído para os resultados da balança comercial brasileira. Destacou também o crescimento do orçamento da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), de 1,8%, como reflexo da importância de suas atividades.

Maia disse que o Brasil, em menos de 30 anos, passou da condição de importador de alimentos para exportador de produtos nessa área. Por trás dessa revolução, conforme o relator, encontra-se a empresa pública responsável pela pesquisa no campo. Ele afirmou que a revista inglesa The Economist resumiu esse milagre em apenas "três palavras": Embrapa, Embrapa e Embrapa.

Outros relatórios

Ainda hoje, a CMO deve votar mais dois relatórios setoriais: o de integração nacional e meio ambiente e o de educação, cultura, ciência e tecnologia e esporte. Também podem ser apresentados hoje os últimos relatórios setoriais: o de infraestrutura e o de turismo.

O presidente da CMO, deputado Waldemir Moka (PMDB-MS), disse que espera votar todos os relatórios setoriais ainda hoje ou, na pior das hipóteses, na segunda-feira (13).

Djalba Lima / Agência Senado
 

Notícias

Regime de bens pode ser mudado sem a exigência de justificativas excessivas

OPINIÃO Regime de bens pode ser mudado sem a exigência de justificativas excessivas 15 de junho de 2021, 9h04 Por Ulisses Simões da Silva Na decisão em comento, o STJ preconiza que todos, inclusive o Estado, devem respeitar os limites impostos pela necessária observância ao preceito da dignidade da...

Homeschooling pode ir a plenário em urgência

Homeschooling pode ir a plenário em urgência Por Thais Rodrigues sobre Brasília Em 13 jun, 2021 - 9:43 Última Atualização 13 jun, 2021 - 11:06 Fato é que, se isso realmente ocorrer, o projeto do homeschooling vai para apreciação dos parlamentares sem passar por qualquer debate prévio nas...

Crédito de alienação de imóvel de terceiro tem natureza extraconcursal

Crédito de alienação de imóvel de terceiro tem natureza extraconcursal 3ª turma negou recurso de uma empresa de transportes que defendia estar sujeita à recuperação judicial a garantia fiduciária prestada por terceiros. segunda-feira, 31 de maio de 2021 A 3ª turma do STJ negou recurso de uma...