Plano nacional para combate ao tráfico de drogas

 
Combater crime organizado é um dos principais desafios, diz José Eduardo Cardozo

Ivan Richard
Repórter da Agência Brasil

 

Brasília - O deputado federal José Eduardo Cardozo – escolhido pela presidenta eleita, Dilma Rousseff, para comandar o Ministério da Justiça – disse há pouco que os maiores desafios de sua pasta serão o combate ao crime organizado e a melhoria da segurança pública no país.

Cardozo afirmou, durante cerimônia de posse de Dilma, que esse problemas são questões de Estado e que o novo governo deverá agir para unir os Três Poderes. “Temos que dar respostas de Estado, não políticas, eleitoreiras ou corporativas. Precisamos criar um plano nacional para combater o tráfico de drogas e melhorar a segurança.”

Apesar de reconhecer que a presidenta Dilma terá uma base de sustentação “sólida” no Congresso, Cardozo disse que o debate a respeito do valor do salário mínimo poderá ser o primeiro desafio do novo governo no diálogo com o Legislativo.

“É uma questão polêmica em que se colocam de um lado a necessidade de remuneração justa do trabalhador e de outro a possibilidade do Estado brasileiro. Acredito que prevalecerá a questão da responsabilidade.”

Veja os ministros do novo governo:

 

 


Edição: Talita Cavalcante - Agência Brasil

 

 

Notícias

Uso de criptomoedas não significa lavagem de dinheiro

Uso de criptomoedas não significa lavagem de dinheiro 13 de fevereiro de 2019, 15h46 Por Rhasmye El Rafih Não obstante, as moedas virtuais são sofisticadas tecnologias desenvolvidas para favorecer transações financeiras descentralizadas e céleres, sem a necessidade de intermediação por banco ou...
Leia mais

Herdeiro condenado pela Justiça perde o direito à herança? - Exame

Herdeiro condenado pela Justiça perde o direito à herança? - Exame Publicado em: 14/02/2019 Um herdeiro que está preso, condenado pela Justiça, perde seus direitos? Veja a resposta no vídeo de finanças pessoais, com o advogado Samir Choaib, especialista em direito sucessório.   Assista o...
Leia mais

Para a maioria dos magistrados, STF deve se submeter a uma corregedoria

CONTROLE E FISCALIZAÇÃO Para a maioria dos magistrados, STF deve se submeter a uma corregedoria 13 de fevereiro de 2019, 10h25 Por Fernanda Valente Os dados mostram que 95,9% dos juízes ativos de primeira instância são a favor da submissão a uma corregedoria. Confira a pesquisa em Consultor...
Leia mais

A uniformização da jurisprudência e a segurança jurídica

REFLEXÕES TRABALHISTAS A uniformização da jurisprudência e a segurança jurídica 8 de fevereiro de 2019, 8h00 Por Pedro Paulo Teixeira Manus A função institucional do Poder Judiciário é dizer o direito, proporcionando a segurança jurídica aos jurisdicionados. Prossiga em Consultor Jurídico
Leia mais

Telemedicina: CFM abre prazo de 60 dias para contribuições

Telemedicina: CFM abre prazo de 60 dias para contribuições Publicado em 07/02/2019 - 10:49 Por Paula Laboissière - Repórter da Agência Brasil  Brasília O Conselho Federal de Medicina (CFM) abriu prazo de 60 dias para receber contribuições relativas à Resolução nº 2.227/2018, que atualiza...
Leia mais
Dúvidas, consulte as fontes indicadas. Todos os direitos reservados