Negócio Certo

Programa gratuito do Sebrae que faz ideia virar negócio reúne 150 mil brasileiros
"Negócio Certo" é oferecido de graça para todo o Brasil

14/09/2010

O Brasil é um país de empreendedores. Aqui o número de empresas abertas cresce ano a ano, um reflexo do sonho de muitos brasileiros de andar com as próprias pernas, de não ter patrão e, por consequência, ampliar os horizontes profissionais. No entanto, antes de iniciar um negócio é preciso ter planejamento, uma condição essencial para fazer uma ideia decolar com sucesso. E é isso que o Sebrae está fazendo por meio do Programa Negócio Certo.

Com abrangência nacional, o Negócio Certo é um programa gratuito, desenvolvido em parceria com o IEA (Instituto de Estudos Avançados), cujo objetivo é orientar e identificar uma ideia, ajudando o empreendedor a analisar a viabilidade do negócio que pretende iniciar. Além disso, o material oferecido capacita o participante a legalizar a empresa e lidar com o gerenciamento de todas as etapas burocráticas inerentes à abertura de um empreendimento. Os interessados participam do programa por meio da internet, CD-ROM ou material impresso.

“Já são 150 mil participantes recebendo orientações empresariais em diferentes etapas de um negócio. É um programa inovador, no qual o atendimento de uma equipe especializada, é diário para o esclarecimento de dúvidas, inclusive na elaboração do plano de negócio. Este atendimento se dá pela internet e por telefone 0800”, afirma Marlete Vieria, gestora do projeto no IEA.

De acordo com ela, a flexibilidade da metodologia é um dos diferenciais do Negócio Certo. “Um dos pontos fortes do programa está na facilidade em atender pessoas de diversos graus de escolaridade, com conteúdo de linguagem simples e clara”, argumenta Marlete. “Além disso, o material atende tanto pessoas que buscam orientações práticas na abertura de novos negócios, quanto empresários que já possuem uma atividade e desejam avaliar suas estratégias, melhorando a administração”, comenta.

Programa premiado

Iniciado pelo Sebrae/SC, o Negócio Certo já foi destaque em várias premiações. Destacou-se nacionalmente na categoria Contribuição Social do Prêmio de Referência Nacional do Congresso E-learning Brasil e recebeu ainda o Top de Marketing da ADVB/SC, a Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing de Santa Catarina. Foi ainda vencedor na categoria Solução de Caráter Social no II Prêmio APeL a la Excelencia em E-learning, concedido pela Asociación de Provedores de e-Learning da Espanha (APeL). A entidade reúne empresas de educação à distância e promove essa modalidade de ensino naquele país.

Para mais informações sobre o Negócio Certo, acesse: www.negociocerto.sebrae.com.br/

 

Revista INCorporativa

 

Notícias

Informativo de Jurisprudência do STJ destaca petição de herança

Informativo de Jurisprudência do STJ destaca petição de herança Processo: Processo sob segredo judicial, Rel. Min. Antonio Carlos Ferreira, Segunda Seção, por maioria, julgado em 26/10/2022. Ramo do Direito: Direito Civil Tema: Petição de herança. Prescrição. Termo inicial. Abertura da sucessão....

Meus bens pessoais podem responder pelas dívidas da minha empresa?

OPINIÃO Meus bens pessoais podem responder pelas dívidas da minha empresa? 22 de novembro de 2022, 10h18 Por Marilza Tânia Ponte Muniz Feitosa e João Vitor Sampaio Silva No caso de uma sociedade limitada, a responsabilidade de cada sócio é restrita ao valor de suas quotas, mas todos respondem...

NOME NÃO É ESTADO CIVIL

NOME NÃO É ESTADO CIVIL Evanildo da Silveira 16 nov 2022_09h07 A bancária paranaense Rosana Congrossi Moreira, de 52 anos, e a médica cardiologista mineira Maria Eugênia Tótola, de 51, estão separadas pelos mil km entre Curitiba e Belo Horizonte, mas têm algo em comum. Casadas no papel, nenhuma...

Qual o nível de parentesco que dá direito a herança?

Qual o nível de parentesco que dá direito a herança? Autor Priscilla Kinast Última atualização 11/08/2022 17:11 Quando uma mulher falece, tem início o processo de partilha de bens. A herança se divide entre os familiares de 1º grau. Entretanto, quem mais pode ter direito? Em suma, a herança nada...