Prática de falar mal do ex para filhos é crime

 

Extraído de IBDFAM

Prática de falar mal do ex para filhos é crime

26/04/2011 | Fonte: Eshoje (Espírito Santo)

Já ouviu falar de "alienação parental"? Esta é uma pratica que vem se tornando comum e que pode causar danos gravíssimos para crianças e adolescentes. A alienação acontece quando pais se separam e o menor fica de responsabilidade de um deles, ou de outro parente. O ato de tentar criar uma imagem negativa, de forma consciente ou inconsciente, é a alienação parental.


"Muitas vezes o processo de separação é muito complicado e dolorido, e a mãe ou pai, devem ter cuidado para não passar essa raiva para os filhos do casal. No Brasil, na maioria das vezes, a criança fica sob a guarda da mãe que de forma consciente ou inconsciente passa essa dor para a criança, formando assim uma péssima imagem do pai, por exemplo", afirmou o mestre em psicologia e professor da Emescan, Paulo Bonates.

 

Nesta segunda-feira, dia 25, Dia Internacional Contra a Alienação Parental ressalta-se que desde agosto de 2010 o Brasil conta com uma legislação específica para combater essa prática nociva à formação de crianças e adolescentes (Lei 12.318/2010). Além de prejudicar a relação de afeto em relações com o genitor ou a família. "Impedir a criança de formar a própria imagem de um dos pais é um absurdo. Pode levar o menor a futuros problemas como psicose, neurose, anorexia e bulimia, porque como elas normalmente não externam esse sentimento ou são repreendidas, isso é somatizado", acrescenta o psicólogo.

 

Segundo o advogado Rodrigo da Cunha, os processos de alienação são longos, mas podem haver intervenções imediatas. "Normalmente quem busca a justiça é o alienado para não perder o contato com o filho. E a pessoa que comete esse crime pode perder a guarda do menor, ou pode até, em casos extremos, perder o poder familiar e deixar de ser legalmente genitor daquela criança. Porque quem faz uma maldade dessa não tem capacidade para ser pai ou mãe", contou.

 

O advogado ainda acrescenta que para conseguir provar a alienação é complicado. "É cruel perguntar para o menor se ele está sendo induzido a criar uma imagem negativa do outro genitor. Seria como perguntar se ele quer ficar com pai ou com a mãe. Hoje são usados testes psicossociais e testemunhas que vivenciaram essas situações. Mas, há um aumento bom de denúncias sobre isso o que é muito bom para proteger o menor desse mau".
 

 

Notícias

NJ - Juiz determina pagamento de FGTS diretamente ao trabalhador

NJ - Juiz determina pagamento de FGTS diretamente ao trabalhador publicado 21/03/2019 00:00, modificado 20/03/2019 22:10 TRTMG O juiz José Ricardo Dily, titular da Vara do Trabalho de Nanuque, condenou um grupo econômico a pagar diferenças de FGTS, com a multa de 40%, diretamente a um trabalhador...
Leia mais

Confira a diferença entre união estável e casamento

Confira a diferença entre união estável e casamento Veja aspectos e impactos das duas formas de união na vida do casal 18/03/2019 15h54 - Atualizado em 18/03/2019 18h15 Atualmente, do ponto de vista familiar, a união estável pouco difere do casamento. Por outro lado, quando se pensa no lado...
Leia mais

25 super dicas para você melhorar a qualidade das suas peças jurídicas

Sexta-feira, 23 de janeiro de 2015 25 super dicas para você melhorar a qualidade das suas peças jurídicas Selecionamos 25 dicas para advogados, promotores e concurseiros melhorarem as suas peças jurídicas. O pequeno manual foi produzido pelos procuradores da República Gustavo Torres Soares e Bruno...
Leia mais
Dúvidas, consulte as fontes indicadas. Todos os direitos reservados