Regras para ocupação de apartamentos funcionais

16/11/2010 - 18h59

 

Senado publica ato com regras para ocupação de apartamentos funcionais

 

O Senado Federal publicou ato que consolida as regras de administração dos apartamentos funcionais do Senado Federal nesta terça-feira (16). Durante o exercício do mandato, os senadores têm direito a ocupá-los segundo a disponibilidade e a ordem dos pedidos. Despesas de condomínio e manutenção, neste caso, são pagos pelo Senado Federal.

Caso não haja imóvel vago, o parlamentar será hospedado em hotel ou receberá auxílio-moradia até que algum seja desocupado. Se, por outro lado, houver apartamentos disponíveis na reserva técnica, os ocupantes de funções comissionadas de FC 3 a FC 5 poderão morar neles por até dois anos se não tiverem outros imóveis no DF, mas devem arcar com sua manutenção.

As informações foram publicadas no Boletim Administrativo Eletrônico de Pessoal do Senado nesta terça-feira (16).

Agência Senado
 

Notícias

Justiça de Uberaba divide pensão em benefício de viúva

Justiça de Uberaba divide pensão em benefício de viúva Valor estava sendo destinado unicamente à filha do falecido 13/01/2021 13h57 - Atualizado em 13/01/2021 15h24 O juiz Lúcio Eduardo de Brito, da 1ª Vara Cível da Comarca de Uberaba, condenou o Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de...

Clipping – IstoÉ – A ordem é recuperar empresas?

Clipping – IstoÉ – A ordem é recuperar empresas? Nova Lei de Falências foi pensada para tornar o processo de recuperação judicial mais seguro e eficiente. Para especialistas, os seis vetos de Bolsonaro tornaram as mudanças tímidas Entra em vigor no próximo dia 24 uma lei que prevê tornar o processo...

Memorial Descritivo: o que é e para que serve?

Memorial Descritivo: o que é e para que serve? Ademi-PR explica quais as informações presentes no documento e a sua importância para a segurança jurídica do comprador do imóvel. por Ademi PR[07/01/2021] [18:23] O lançamento de um empreendimento imobiliário envolve diversos documentos e aprovações....

Em 2021, Câmara dos Deputados deve votar proposta de lei sobre teletrabalho

OPINIÃO Em 2021, Câmara dos Deputados deve votar proposta de lei sobre teletrabalho 7 de janeiro de 2021, 12h05 Por Valéria Wessel S. Rangel de Paula Quanto à jornada de trabalho, o projeto dispõe que os empregados em teletrabalho total ou híbrido não terão direito a horas extras, desde que não...