Eletronuclear estuda guardar rejeitos em caverna por 500 anos

 

23/03/2011 - 12h01

Eletronuclear estuda guardar rejeitos em caverna por 500 anos 

O presidente da Eletronuclear, Othon Luiz Pinheiro da Silva, disse há pouco que a empresa estuda a adoção de política para depositar rejeitos de combustível radiativo das usinas nucleares do país em sistema de cápsulas de aço inoxidável que seriam abrigadas em caverna por 500 anos.

Segundo ele, os rejeitos são ainda de pouca monta e não há justificativa econômica para se pensar imediatamente em reciclagem, inclusive porque o país dispõe de muita oferta de urânio.

Ele acredita que depois de a Eletronuclear provar a segurança desse sistema de deposição e com incentivos de royalties, municípios do país irão se apresentar voluntariamente para guardar os rejeitos. De acordo com o presidente da Eletronuclear, esse sistema de deposição foi considerado "uma forma imaginativa e pragmática" por especialistas dos Estados Unidos.

Othon Luiz encerrou sua participação há pouco em audiência conjunta de três comissões do Senado.

 

Agência Senado


 

 

Notícias

25 super dicas para você melhorar a qualidade das suas peças jurídicas

Sexta-feira, 23 de janeiro de 2015 25 super dicas para você melhorar a qualidade das suas peças jurídicas Selecionamos 25 dicas para advogados, promotores e concurseiros melhorarem as suas peças jurídicas. O pequeno manual foi produzido pelos procuradores da República Gustavo Torres Soares e Bruno...
Leia mais

Deputado requenta projeto de lei que quer acabar com o Exame de Ordem

PROPOSTA ANTIGA Deputado requenta projeto de lei que quer acabar com o Exame de Ordem 11 de março de 2019, 13h58 Por Fernanda Valente A justificativa para o fim do Exame de Ordem para os bacharéis em Direito é a equiparação com as outras profissões do país que "não têm a necessidade de se...
Leia mais

Imóvel de inventários exige maiores cuidados

Imóvel de inventários exige maiores cuidados Diário das Leis - Noticias Kênio de Souza Pereira  Quando uma pessoa falece, imediatamente todo o seu patrimônio é transmitido aos herdeiros, sendo que o inventário consiste na formalização da divisão dos bens, de modo que o formal de partilha...
Leia mais

Mudar o vigente regime sucessório brasileiro é urgente

DIREITO CIVIL ATUAL Mudar o vigente regime sucessório brasileiro é urgente 11 de março de 2019, 8h02 Por Carlos Alberto Garbi Embora o modelo familiar atual revele profundas transformações ocorridas nos últimos anos, o direito sucessório pouco mudou para acompanhar a nova família[5], mostrando-se...
Leia mais

Imunidade do ITBI independe da forma de avaliação do imóvel colacionado

CONSULTOR TRIBUTÁRIO Imunidade do ITBI independe da forma de avaliação do imóvel colacionado 6 de março de 2019, 9h32 Por Igor Mauler Santiago A celeuma provém do artigo 23 da Lei 9.249/95, segundo o qual “as pessoas físicas poderão transferir a pessoas jurídicas, a título de integralização de...
Leia mais

Entenda como funciona o processo extrajudicial de usucapião

Entenda como funciona o processo extrajudicial de usucapião Recentemente o Código de Processo Civil recebeu alterações que inovaram o processo de usucapião extrajudicial. Antes, o pedido deveria ser feito exclusivamente por meio de ação judicial, ou seja, todo o processo passava pelo Juiz, com a...
Leia mais
Dúvidas, consulte as fontes indicadas. Todos os direitos reservados