Institutos federais terão que oferecer cursos para profissionais de educação

09/08/2011 - 14h13

Institutos federais terão que oferecer cursos para profissionais de educação 

Segue para a Câmara dos Deputados projeto que inclui entre os objetivos dos Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia os cursos de formação de profissionais de educação em nível médio e superior.

O projeto de lei (PLS 235/10), aprovado nesta terça-feira (9) pela Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE), em decisão terminativa, prevê ainda a oferta de cursos superiores de tecnologia em processos escolares, destinados à formação dos profissionais conhecidos como "funcionários de escolas", desde que portadores de diploma de curso técnico ou superior em área pedagógica ou afim.

Segundo a autora do projeto, a então senadora Fátima Cleide, o objetivo da proposta é dar aos institutos, como missão específica, a formação não somente em serviço - para um milhão de atuais funcionários de escolas públicas da educação básica - mas a formação em caráter permanente dos futuros funcionários de escola como profissionais de educação de alta qualidade.

Ela explica ainda, na justificação do projeto, que a iniciativa possibilita "à merendeira e à professora, que até hoje provêm de trajetórias e até de mundos diferentes, se encontram na escola ao redor de uma bandeja de café, terem a oportunidade de estarem juntas na mesma sala de aula, nos cursos de formação de nível médio e superior, no ambiente qualificado dos Institutos Federais'.

Atualmente pela Lei 11.892/08, que institui a Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica e os Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia, cabe a estes últimos ministrar educação profissional técnica de nível médio, prioritariamente na forma de cursos integrados, para os concluintes do ensino fundamental e para o público da educação de jovens e adultos. O projeto inclui, neste dispositivo, os cursos de formação de profissionais de educação. Acrescenta ainda, em outro parágrafo, que atualmente permite a oferta somente de cursos de licenciatura, também os cursos superiores de Tecnologia em Processos Escolares.

Favorável ao projeto, o relator, senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA), afirma em seu relatório, que a proposta "ajuda a superar a antiga dicotomia entre trabalho intelectual e trabalho manual, dando a todos os educadores a oportunidade de crescer no conhecimento e no domínio das tecnologias contemporâneas".

Para ver a íntegra do que foi discutido na comissão, clique aqui.

Valéria Castanho / Agência Senado
 

Notícias

Requisito da publicidade pode ser flexibilizado em caso de união homoafetiva

COM MENOS RIGOR Requisito da publicidade pode ser flexibilizado em caso de união homoafetiva 17 de setembro de 2021, 7h37 Por Tábata Viapiana Entre os indícios da união estável entre o pai da autora e o réu, segundo o relator, está o fato de terem morado juntos por mais de 20 anos em três endereços...

É admissível penhora de bem de família do fiador de contrato de locação

LOCATÁRIA INADIMPLENTE É admissível penhora de bem de família do fiador de contrato de locação 14 de setembro de 2021, 7h48 Por Tábata Viapiana Ao TJ-SP, os fiadores disseram que são idosos e que o imóvel se trata de bem de família, ou seja, impenhorável. Prossiga em Consultor Jurídico  

Cobrança de aluguel de imóvel ocupado por ex-cônjuge requer prévia notificação

Cobrança de aluguel de imóvel ocupado por ex-cônjuge requer prévia notificação por BEA — publicado 4 dias atrás A 8ª Turma Cível do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e dos Territórios - TJDFT, por unanimidade, negou recurso da autora e manteve sentença da juíza da 9ª Vara Cível de Brasília,...

ITCMD não pode ser cobrado sobre heranças e doações no exterior, conclui STF

ITCMD não pode ser cobrado sobre heranças e doações no exterior, conclui STF FLÁVIA MAIA BRASÍLIA 06/09/2021 14:42 Os ministros definiram, ainda, que ficam excluídas as ações judiciais nas quais se discuta a qual estado o contribuinte deve efetuar o pagamento do ITCMD sobre heranças, considerando a...

Juiz aplica Lei Maria da Penha a caso de homem agredido por vizinhos

Juiz aplica Lei Maria da Penha a caso de homem agredido por vizinhos Publicado por DR. ADEvogadohá 12 minutos Nada impede que o magistrado amplie o alcance da Lei Maria da Penha, não para aplicá-la na integralidade, mas apenas a parte que determina que se evitem novos ilícitos ou potenciais...