Papéis reciclados com sementes de flores, ervas e hortaliças

Extraído de Revista INCorporativa


Papel que floresce vira negócio de sucesso


Empresa fluminense fabrica papéis reciclados com sementes de flores, ervas e hortaliças

17/01/2011 - Regina Mamede

 

Rio de Janeiro - Flores, ervas ou hortaliças. Do papel reciclado brota vida. Esta é a proposta da empresa Papel Semente, de São Gonçalo, cidade fluminense. O trabalho que começou em junho passado com a fabricação de tags de roupas para duas confecções cariocas ganhou corpo e hoje tem uma linha de produtos diferenciados.

“Faço de brindes corporativos a convites para festas. A proposta é atender tanto às grandes empresas como aos pedidos individuais. A quantidade é importante para a viabilidade do negócio, lógico, mas acreditamos na disseminação de um novo conceito. Costumo dizer que o melhor do nosso trabalho é produzir encantamento”, resume a diretora de sustentabilidade, Andréa Carvalho, que comanda a empresa em sociedade com Paulo Candian e Luis Felipe Di Mare Salles Filho.

As sementes são introduzidas durante o processo de fabricação. A plantação é simples. Pique o papel sem danificar as sementes, molhe-o, e coloque-o em um vaso com uma leve camada de terra por cima. Regado diariamente, em dez ou 20 dias, dependendo da espécie, a planta começa a germinar.

A empresa oferece a Linha Flores, com boca-de-leão e cravinho; a Goumert, com rúcula, agrião, salsinha, manjericão; e a Linha Chá, camomila e erva-doce. Com o sucesso, além dos blocos de papel, a empresa passou a desenvolver inúmeros outros produtos como crachás e pastas, em que a capa é plantada, brindes, cardápios e convites e lembranças de festas de casamento, debutantes, nascimentos de bebês e está sempre aberta para as sugestões e pedidos dos clientes. Em 2010, preparou também a primeira tiragem de cartões de Natal. Em apenas um ano, a empresa passou da produção mensal de 3 mil para 10 mil folhas e a previsão é chegar a 30 mil em 2011.

Para a Papel Semente, mais que um produto diferenciado, o importante é o foco na sustentabilidade, com o uso de sementes certificadas, terra orgânica, reutilização da água, melhoria contínua de todo os processos de produção e benefícios em toda a cadeia produtiva como o envolvimento com a Cooperativa de Catadores de Lixo de São Gonçalo, ligada a Ong Guardiões do Mar, que ganha com a compra regular de 2 toneladas/mês.

O kit Molhe e Plante é um dos xodós de Andréa. O vasinho, já com terra orgânica, é embalado com o papel que contém as sementes. O produto envolve as mulheres dos funcionários que, podem assim trabalhar em casa. Elas agora se preparam para se inscreverem como Empreendedor Individual, proposta do Sebrae, que beneficia quem ganha até R$ 3 mil por mês.

“O resgate da cidadania é importante, mas é importante dizer que isso envolve ganhos para os dois lados. Elas passam a ter direito a diversos benefícios e podem emitir Nota Fiscal, o que é importante para nós. A filosofia da empresa é que todos podem ganhar e contribuir para a sustentabilidade”, resume Andréa.

 

www.papelsemente.com.br

 

Notícias

Diminuir população prisional é um desafio, dizem especialistas

CONTINGENTE INJUSTIFICÁVEL Diminuir população prisional é um desafio, dizem especialistas 20 de novembro de 2018, 11h43 Na avaliação do criminalista Sergio Gurgel, a maior dificuldade no que diz respeito à questão da superlotação está na contradição dos discursos demagógicos relacionados à...
Leia mais

Execução de alimentos antiga não deixa de ser urgente, decide STJ

PENSÃO ALIMENTÍCIA Execução de alimentos antiga não deixa de ser urgente, decide STJ 13 de novembro de 2018, 16h56 Por Gabriela Coelho “A dispensa inicial de alimentos pela convivente não invalida o acordo que fora entabulado entre as partes posteriormente". Leia em Consultor Jurídico
Leia mais

JURISTAS: GUARDA COMPARTILHADA - COMO TORNAR O PROCESSO MENOS DOLOROSO

JURISTAS: GUARDA COMPARTILHADA - COMO TORNAR O PROCESSO MENOS DOLOROSO Publicado em: 12/11/2018 Um levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) com dados colhidos entre 1984 e 2016 indica que, no Brasil, um em cada três casamentos resulta em divórcio. E na maioria das...
Leia mais

Contratos de namoro qualificado, namoro qualificado e união estável

Postado em 08 de Novembro de 2018 - 15:31 Contratos de namoro qualificado, namoro qualificado e união estável Por conta do entendimento de que o núcleo de afeto permite o reconhecimento de uma união familiar, pessoas tem, de modo cada vez mais frequente entabulado contratos de namoro, de namoro...
Leia mais

Ameaça espiritual serve para configurar crime de extorsão

DECISÃO 09/03/2017 08:42 Ameaça espiritual serve para configurar crime de extorsão Em decisão unânime, a Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) considerou que a ameaça de emprego de forças espirituais para constranger alguém a entregar dinheiro é apta a caracterizar o...
Leia mais

O sobrenome do enteado

O sobrenome do enteado          Regina Beatriz Tavares da Silva* 08 Novembro 2018 | 05h00 Em 2009, a Lei 11.924/09, também conhecida com Lei Clodovil por ser de autoria de famoso costureiro, que também foi deputado, alterou a Lei dos Registros Públicos, dando a...
Leia mais

Argentina concede certidão de nascimento sem menção de sexo

Argentina concede certidão de nascimento sem menção de sexo Publicado em: 07/11/2018 Pela primeira vez na Argentina uma pessoa obteve sua certidão de nascimento, da qual deriva toda a documentação restante, sem qualquer menção de sexo, conforme a Lei de Identidade de Gênero aprovada em 2012 no...
Leia mais
Dúvidas, consulte as fontes indicadas. Todos os direitos reservados